gov2
lei do pantanal
detran
gov
aguas
AGEMS

MS recebe técnicos da Conab para mais um levantamento da safra de grãos

Números da pesquisa serão divulgados no dia 13 de junho pela companhia de abastecimento

Por José Roberto dos Santos em 21/05/2024 às 12:45:54

Área plantada com milho em propriedade rural; cultivo encerrou-se em MS. (Foto: Divulgação)

Técnicos da Conab (Companhia Nacional de Abastecimento) estão em campo nesta semana para coletar as informações que deverão compor o 9º Levantamento da Safra de Grãos 2023/2024. A pesquisa será realizada em todos os estados produtores, com saídas de campo em Mato Grosso do Sul, Mato Grosso, Pará, Bahia, Tocantins, Santa Catarina, Minas Gerais, Paraná, Piauí e Maranhão.

O levantamento também é feito remotamente, junto a agentes colaboradores ligados ao setor em cada estado, como produtores, cooperativas, entidades de assistência técnica, públicas e privadas, empresas de venda de insumos, comercialização, entre outros. Além das pesquisas subjetivas, a Conab utiliza o georreferenciamento das lavouras para auxiliar nas análises de produtividade e dimensionar a área.

Neste levantamento, monitora-se as principais culturas, pois as lavouras de primeira safra estão quase todas colhidas, mas a Conab observa os resultados finais desses grãos. Em Mato Grosso do Sul a colheita da soja já está oficialmente encerrada. As lavouras de segunda safra iniciam a fase final do ciclo, com algumas entrando em colheita. Por fim, as culturas de terceira safra e inverno estão com a semeadura e definição de áreas sendo estabelecidas neste momento.

No caso do Rio Grande do Sul, a Conab está monitorando as condições das lavouras no estado de forma remota, contatando agentes colaboradores e também com o auxílio do georreferenciamento para estimar a safra na região. Os números atualizados do 9º Levantamento da Safra de Grãos 2023/2024, com o resultado da produção em todo o país, serão divulgados no dia 13 de junho.

Milho do Rally

Nesta quarta-feira, 22 de maio, a partir das 16h (MS), o Rally da Safra apresentará as estimativas para a 2ª safra de milho 2024 no Brasil. Em pauta, as perspectivas de produção, área plantada e produtividade média em cada uma das principais regiões produtoras do país.

Área plantada de milho é monitorado por equipe técnica da Aprosoja-MS. (Foto: Divulgação)

Área plantada de milho é monitorado por equipe técnica da Aprosoja-MS. (Foto: Divulgação)

Uso e ocupação do solo

Entre os dias 6 e 10 de maio, a equipe técnica da Aprosoja/MS (Associação dos Produtores de Soja de Mato Grosso do Sul) percorreu 8,5 mil quilômetros para a realização do levantamento de Uso e Ocupação de Solo da segunda safra 2023/2024.

O presidente da Aprosoja-MS, Jorge Michelc, destaca que este trabalho é único no Brasil e subsidia o tanto o Poder Público quanto a iniciativa privada, por meio de dados para o fomento de políticas agrícolas e indicadores para a tomada de decisão de investimentos. "Com os mapas, podemos ter uma visão ampla sobre a aptidão agrícola de cada região e real necessidade de cada local", afirma Michelc.

No levantamento de Uso e Ocupação de Solo da segunda safra 2022/2023, a Aprosoja-MS referenciou 23,1 mil pontos de GPS, em 25,4 mil quilômetros.

* Com informações da Conab e da Aprosoja-MS

Fonte: CAMPO GRANDE NEWS

Comunicar erro
no

Comentários

comitiva